Rádio Podcast - Programa da semana
Culto ao vivo - Domingos às 20h

« Página inicial

10 dias de Reflexão sobre o Matrimônio - Volume 1
Pr. Isaí M. Hort

Dia 1 - Beijo no falecido é estranho

Estávamos em um velório de um homem desconhecido que faleceu inesperadamente. 

A mulher estava desesperada ao lado do caixão. Ela olhava com profunda tristeza para o corpo dele. Acariciava o rosto e chorava profundamente como quem não acreditava na realidade da morte. Em meio ao desespero e lamento, ela deu um beijo calmo e longo nos lábios do falecido. Sua alma parecia gritar: “Fica comigo, eu quero mais um abraço, mais um beijo!” 

Observar aquela cena foi muito estranho. Minha esposa estava ao meu lado e me olhou surpresa. Realmente, beijar na boca do falecido, é estranho.

No momento em que minha esposa me olhou surpresa com a cena, um pensamento veio a minha mente. “Hoje podemos nos beijar, amanhã pode parecer estranho”.

No minuto seguinte da morte, não se consegue mais transmitir o amor. Não se recupera o beijo não dado, o perdão não concedido. Não se recupera o convite para um jantar ou as férias não tiradas, devido a ganância. 

Não se recupera a caminhada a dois, que foi substituída pelas navegadas na internet. Não se recupera as cócegas e risadas não dadas, por causa do excesso de seriedade e preocupações. Por maior que seja o desejo, ali estará só o corpo.

Beijos e abraços não damos em corpos, damos em pessoas de “corpo e alma”. Hoje, o beijo pode ser bonito e românico, amanhã, pode ser muito estranho.

“Tudo tem o seu tempo determinado!” Eclesiastes 3.1

Pr. Isaí M. Hort

Mostrar todos os livrinhos Faça sua encomenda de livrinhos