Rádio Podcast - Programa da semana
Culto ao vivo - Domingos às 20h

« Página inicial

Keep calm and carry on - parte 6
Isaí Marcelo Hort - 26/08/2014

“Mantenha a calma e siga em frente!?”. Keepcalm, “mantenha a calma”, foi uma campanha do governo inglês no período da segunda Guerra Mundial, época em que a Inglaterra se juntou às tropas aliadas para enfrentar o exército alemão. O governo inglês imprimiu pôsteres para acalmar a população, que estava tomada pelo medo dos conflitos que os rodeavam.  

Nos últimos tempos, uma onda destes pôsteres invadiu a internet e o comércio: “Fique calmo e coma chocolate”. “Fique calmo e sorria”. “Fique calmo e faça compras”.

Vivemos em um mundo muito corrido. Você já está ansioso para terminar este pequeno artigo? Queremos fazer várias coisas ao mesmo tempo, resolver hoje mais coisas do que resolvemos ontem. E é claro que precisamos sempre aprender a nos acalmar. Porém, o mundo precisa de uma “paz” maior do que a do chocolate ou de compras. Tentar se acalmar apenas com chocolate e compras irá gerar obesidade e uma dívida tremenda. O que, a longo prazo, torna-se um tormento ainda maior.

O mundo precisa da paz de Cristo. “Deixo-lhes a paz; a minha paz lhes dou. Não a dou como o mundo a dá. Não se perturbem os seus corações, nem tenham medo”. Jo. 14:27

Apenas ficar calmo e “seguir em frente” pode ser uma péssima ideia. Devemos nos perguntar o que está a nossa frente. Se continuarmos “seguindo em frente”, aonde chegaremos?

Fique calmo e siga a Cristo!

Jesus pôde deixar a sua paz para os discípulos, pois estes estavam com suas vidas do lado de dentro da porta da salvação. Podemos ter paz e calma quando sabemos que estamos com a “vida em ordem”.

Você está com sua vida em ordem?

Como já mencionei, o “fechar da porta” da arca simboliza o início da eternidade. Com a nossa morte iniciará um novo tempo que se chama eternidade. Já não será mais possível mudar o destino que foi determinado por aquilo que fizemos ou deixamos de fazer em vida. Isso fica bem claro em 2 Coríntios 5.10: “Pois todos nós devemos comparecer perante o tribunal de Cristo, para que cada um receba de acordo com as obras praticadas por meio do corpo, quer sejam boas quer sejam más”.

A porta pode ser fechada hoje?

Deixe-me sugerir quatro dicas práticas:

  1. Peça em oração, agora mesmo, que Jesus Cristo perdoe seus pecados. Lembrando que um pedido de perdão verdadeiro sempre deve estar acompanhado da intenção de não cometer mais os mesmos erros.
  2. Aceite este perdão! Caso tenha pedido sinceramente, então Deus já perdoou. Se ele lhe perdoou, quem é você para não se perdoar?
  3. Da mesma maneira, perdoe toda e qualquer pessoa. Esta é a vontade de Deus e uma benção para você, a paz de Jesus. Mt. 6:12 “Isso na verdade não é um conselho, Jesus o coloca como uma condição para que você mesmo seja perdoado.
  4. Não queira estar na arca sozinho. Procure a salvação de sua família e amigos. Ore por eles e compartilhe esta mensagem.
Isaí Marcelo Hort

Mostrar todos os artigos