Rádio Podcast - Programa da semana
Culto ao vivo - Domingos às 20h

« Página inicial

Markus e suas lágrimas “made in Coréia”
Mário Hort - 30/09/2014

Na manhã do primeiro domingo em Frankfurt, fomos visitar nossa igreja. Após o culto, o pastor Linke me apresentou um senhor alto e simpático, dizendo que ele é uma pessoa nova em sua comunidade.

Markus imediatamente começou a falar do seu sofrimento, pelo abandono da esposa, uma coreana, que na infância foi abandonada por sua mãe. 

A coreana simplesmente voltou para a vida mundana e deixou Markus sozinho com as crianças.

As lágrimas corriam pelo seu rosto, e ele falava de sua dor, mesmo não me conhecendo. Percebi o seu constrangimento por suas lágrimas, e lhe disse: “Markus eu estou aqui para escrever sobre o ‘DNA de uma lágrima’. Estou pesquisando os motivos das lágrimas e desejo saber o que aconteceu em sua vida, para chegar a esse sofrimento...” e perguntei:

“Como foi a sua infância, seu pais lhe deram um lar com educação cristã”? Ao que Marcos respondeu:

“Meus pais não se importavam pela vida espiritual, eu cresci tímido e sem amigos. Na 5° classe do colégio, estive muito sozinho e fui rejeitado pelos alunos, quando um menino da 6° classe, de nome Steffan, me convidou para assistir a reunião do grupo de adolescentes em sua igreja. Neste grupo eu fui envolvido com carinho e me decidi pelos caminhos do evangelho”, afirmou.

“Permaneci da fé, até conhecer minha ex  esposa. No princípio ela me acompanhava, mas ela me desviou dos caminhos de Deus, até que um dia ela simplesmente não voltou para casa e me deixou sozinho com os dois filhos”, concluiu enxugando as lágrimas.

Ao que eu lhe disse: “Markus, nós chegamos à Frankfurt, com o único objetivo de avaliar as lágrimas. Queremos trazer compreensão e consolo e dizer que Deus vai julgar com equidade a vida de cada pessoa”. Sal. 98:8.

Após o diálogo, Markus apresentou sua segunda esposa, que ele encontrou em sua solidão e ela o trouxe de volta para a igreja e para os caminhos de Deus.

Eu senti fortes emoções ao colocar minhas mãos sobre o casal com um bebê e lhes disse: “Saibam que, todas vossas lágrimas serão compreendidas no dia do Juízo Final” Apc. 21:4

Os sofrimentos da separação, do abandono e do novo casamento causam muitas lágrimas e até mesmo para a igreja, toda essa situação é complicada e traz momentos de constrangimentos e novas lágrimas.

Porém, sempre quando surgem momentos difíceis, lembrem do “DNA de vossas lágrimas” e saibam, que os pastores e o próprio Deus conhece melhor que todos nós, o DNA de cada lágrima, e saberá conduzir vossa vida, com a sua graça e misericórdia.

Desejo também que vocês se lembrem do pastor brasileiro, um homem desconhecido que vos encontrou aqui na igreja, para vos dizer que: “O DNA de cada lágrima está inscrito no livro de Deus”. Só ele pode vos conduzir por caminhos seguros, na compreensão e na avaliação com equidade divina, incluindo todas as vossas amargas experiências, desde a infância e por toda eternidade.

Mário Hort

Mostrar todos os artigos